Entre 1897 e 1899, Nitobe Inazō escreveu, originalmente em inglês, a obra Bushido: The Soul of Japan, publicada em Nova York e traduzida em 1908 para o japonês. Nesta obra, o proeminente escritor japonês buscava apresentar ao mundo ocidental os costumes e valores de um Japão em plena transformação para a modernidade – um Japão que, apesar do novo ethos que chegava com o século xx, era capaz de manter as virtudes e tradições mais caras aos japoneses, que garantiriam um futuro próspero e esperançoso para a Terra do Sol Nascente. O livro apresenta um estudo sobre as tradições, usos e costumes dos samurais, uma classe de nobres militares e guerreiros. Obra seminal e única sobre o Japão da era Meiji (1868-1912), foi usada para divulgar a cultura japonesa às nações ocidentais e favorecer as suas relações internacionais.

Nitobe Inazō (新渡戸 稲造 – 1862 a 1933) foi um economista, diplomata, escritor e educador japonês, também agronomista e político. Nascido numa influente família samurai do norte do Japão, teve a sua formação escolar em língua inglesa, obtendo acesso ao conhecimento ocidental da sua época. Depois de concluir os estudos na Sapporo Agricultural College (atual Universidade Hokkaido), seguiu para os Estados Unidos da América, para aprofundar-se em economia e ciência política, e mais especialmente em políticas agrícolas. Retornando ao Japão, trabalhou como professor na sua alma mater e nas universidades imperiais de
Kyoto e de Tokyo.

Edição: 1 | Ano: 2023 | ISBN: 9788556623133

Clique aqui para comprar na Amazon.com.br 

Bushido: a alma do Japão

Bushido: a alma do Japão

Entre 1897 e 1899, Nitobe Inazō escreveu, originalmente em inglês, a obra Bushido: The Soul of Japan, publicada em Nova York e traduzida em 1908 para o japonês. Nesta obra, o proeminente escritor japonês buscava apresentar ao mundo ocidental os costumes e valores de um Japão em plena transformação para a modernidade – um Japão que, apesar do novo ethos que chegava com o século xx, era capaz de manter as virtudes e tradições mais caras aos japoneses, que garantiriam um futuro próspero e esperançoso para a Terra do Sol Nascente. O livro apresenta um estudo sobre as tradições, usos e costumes dos samurais, uma classe de nobres militares e guerreiros. Obra seminal e única sobre o Japão da era Meiji (1868-1912), foi usada para divulgar a cultura japonesa às nações ocidentais e favorecer as suas relações internacionais.

Nitobe Inazō (新渡戸 稲造 – 1862 a 1933) foi um economista, diplomata, escritor e educador japonês, também agronomista e político. Nascido numa influente família samurai do norte do Japão, teve a sua formação escolar em língua inglesa, obtendo acesso ao conhecimento ocidental da sua época. Depois de concluir os estudos na Sapporo Agricultural College (atual Universidade Hokkaido), seguiu para os Estados Unidos da América, para aprofundar-se em economia e ciência política, e mais especialmente em políticas agrícolas. Retornando ao Japão, trabalhou como professor na sua alma mater e nas universidades imperiais de
Kyoto e de Tokyo.

Edição: 1 | Ano: 2023 | ISBN: 9788556623133

Clique aqui para comprar na Amazon.com.br